Diagnosticados 18 casos suspeitos de câncer bucal

Redação DS 08/06/2018 Saúde

Cirurgias para a biópsia serão na Unic de Tangará, no sábado

Saúde

Iniciada na última segunda-feira, 04, a  Semana de Prevenção ao Câncer Bucal, desenvolvida pela Secretaria Municipal de Saúde de Tangará da Serra, através da Coordenação de Saúde Bucal, termina hoje, 08, e até ontem, 07, já havia através das triagens, chegado a 18 casos suspeitos da doença.
Segundo o coordenador de Saúde Bucal da Secretaria de Saúde Bucal em Tangará da Serra, Uelington Francisco da Silva Cordeiro, com o diagnóstico suspeito, os pacientes foram então encaminhados para coleta de sangue e realização de exames e no sábado, 09, farão a cirurgia para a biópsia na clínica da Universidade de Cuiabá (Unic), câmpus de Tangará da Serra. “Faremos as cirurgias possíveis no sábado na Unic. Digo possíveis porque algumas carecem ser feitas em hospitais pela extensão da  lesão, que necessita inclusive de sedação, dependendo do caso”, informou.
Ainda conforme o responsável, depois da coleta do material, o paciente terá a possibilidade de realizar o exame particular, o que possibilitará confirmar ou descartar a suspeita em três ou quatro dias, ou aguardar pelo Sistema Único de Saúde, (Sus) que demora um pouco mais, de 15 a 60 dias.
Caso o resultado seja positivo, o paciente terá todo acompanhamento necessário para o tratamento da doença, contando inclusive, com uma junta de médicos pelo TeleSaúde que podem em tempo real, através de videoconferência, ajudar no melhor tratamento e também fazer o encaminhamento para tratamento em hospitais especializados.
Àqueles que ainda não fizeram o exame podem se dirigir hoje ainda, até a praça da antiga Prefeitura, onde acontecem outros vários serviços, ou em Unidades de Saúde da Família (USFs). “A população compareceu mesmo, demonstrando preocupação. Vieram para saber mais sobre a doença e isso é muito importante”, frisou o coordenador.

 

Notícias da editoria