Padrasto é preso acusado de espancamento das enteadas de dois e seis anos

Willian Tessaro / Portal Campo Novo 11/06/2018 Polícia

A mãe também será investigada

Um jovem, de 21 anos, teve a prisão decretada pela Polícia Civil, após a investigação apontar que ele é foi autor de espancamento das enteadas de dois e seis anos. O caso só foi descoberto, pois, G. tentou registar um Boletim de Ocorrência falso contra o pai biológico da meninas.
Segundo o delegado Adil Pinheiro, o suspeito alegou que o pai, juntamente com mais quatro amigos, o espancaram e espancaram a criança de dois anos, enquanto estavam em um parquinho. Ele simulou agressões e rasgou as próprias roupas para tentar enganar as autoridades policiais. 
Ele batia nas crianças, pois a mãe trabalha fora de casa, enquanto ele trabalha em casa em uma oficina e cuidava das meninas. A mãe também será investigada, se ela foi conivente ou não com as agressões.

 

Notícias da editoria