Presidente do SSPM de Campo Novo, Jerusa Pinheiro, é transferida para UTI de Tangará de Serra após sofrer grave acidente

Gazeta MT 19/10/2018 Polícia
Polícia

Jerusa Pinheiro,  presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Campo Novo do Parecis,  sofreu um grave acidente e foi socorrida após ser atropelada por  um motociclista  na manhã desta sexta-feira (19), por volta das 11h05min na Avenida Brasil, em Campo Novo do Parecis, quando saia de uma reunião da Secretaria Municipal de Educação, quando ia atravessar a rua. O motociclista fugiu sem prestar socorro.

Ao Gazeta MT, uma testemunha que presenciou o fato, disse que viu o momento em que a vítima foi atropelada, pois estava atravessando a avenida Brasil em frente a Igreja Católica. Conforme ele, Jerusa foi atingida em cheio, sem ter chance de se defender, ainda de acordo com relatos de testemunhas, disseram que os carros pararam e o motociclista saiu de trás de um carro, quando atropelou a vítima em alta velocidade.

O SAMU foi acionado para socorrer Jerusa, que estava desacordada e precisou ser encaminhada com urgência para  o Centro Hospitalar Parecis do municipio.

Populares afirmaram que buscariam, em imagens de segurança, a placa da moto do suspeito para que ele fosse identificado.

Jerusa Pinheiro passou por um exame de tomografia e outros procedimentos médicos .

Testemunhas foram ouvidas para lavrar o Boletim de Ocorrência e a policia civil investiga o caso analisando imagens de segurança das imediações.

A presidente do sindicato foi transferida pela UTI móvel da Unimed,  por volta ds 15h30min, para o hospital Santa Angela de Tangará da Serra. 

Jerusa passará por vários exames especializados. Estivemos no Centro Hospitalar Parecis e a mesma encontra- se consciente, mas queixa de muita dor no peito o que suspeita de uma clavícula quebrada e dor no maxilar, de acordo com testemunhas e familiares, após ser atropelada pelo motociclista, ela caiu e bateu com a cabeça, no meio fio, onde teve um corte na cabeça, um corte na perna esquerda que levou 15 pontos e escoriações nas mãos. 

Notícias da editoria