Sem recursos, associação pode encerrar as atividades

Rodrigo Soares / Redação DS 21/10/2018 Geral

Associação Protetora de Animais Domésticos está com grande dívida

Associação é voltada à causa animal

Em atividade há mais de quatro anos prestando serviços com enorme empenho e amor à causa animal, a Associação Protetora de Animais Domésticos de Tangará da Serra (Apatas) corre o risco de encerrar as atividades no município. Dependente de doações e atividades elaboradas pela própria Apatas em conjunto com voluntários, a associação passa por séria crise financeira por causa da baixa arrecadação dos últimos meses.


De acordo com a tesoureira da Apatas, Anelisa de Oliveira, as doações caíram em torno de 80% enquanto as dívidas vem se acumulando. “Não sei se é a crise, ou o que está acontecendo, mas não temos mais como pagar dívidas. Infelizmente, estamos chegando ao ponto de com muita tristeza parar com a SOS- Apatas, pois sem dinheiro não temos como continuar”, relatou a tesoureira, destacando que a atual dívida da associação é de R$ 10 mil.


Além de resgatar animais abandonados pelas ruas, a associação viu seu trabalho e despesas dobrarem ao ser acionada também por donos de cães e gatos.


“Eu gostaria muito que primeiramente quem tem seus animais, que procure cuidar um pouco mais deles, pois tirando de nossa responsabilidade os animais que tem dono, ficaria menos difícil”, disse a tesoureira, relatando ainda que a associação não conta com o apoio do Poder Público, o que torna a causa animal uma tarefa ainda mais difícil.


Para colaborar com as despesas, a associação vem realizando uma série de atividades como bazar beneficente, rifas e venda de almoços, porém não tem sido suficiente para suprir toda demanda, que a cada dia que passa cresce mais, assim como as dívidas.


“Quem quiser nos ajudar, pode ir diretamente aos pet shos que temos na cidade, onde as dívidas estão registrada, porque se não realmente a gente vai ter que parar mesmo com as atividades,  com muita dor no coração”, pediu a responsável.
 



Notícias da editoria