Bastidores da Política

Redação DS 09/04/2018 Bastidores da Politica

Bloqueio de contas

A Vara de Ação Civil Pública e Ação Popular de Cuiabá bloqueou as contas do Gabinete de Comunicação (GCom) do governo de Mato Grosso e determinou o não pagamento das cotas de publicidade até um valor de R$70 milhões.

Orçamento 2018

Na decisão assinada pela juíza Célia Regina Vidotti, há também o pedido de uma auditoria da Controladoria Geral do Estado (CGE) na GCom e uma solicitação ao secretário de Estado de Planejamento (Seplan) para bloqueio de todo o orçamento publicitário de 2018.

Improbidade Administrativa

A provocação foi feita à Vara pelo Ministério Público Estadua, via promotor Mauro Zaque. No documento enviado por ele, o ex-secretário de Comunicação (deixou outra secretaria, a de Cultura) Kleber Lima praticou ato de improbidade administrativa

Conluio

Além de corrupção empresarial em conluio com as agências de publicidade contratadas pela GCom. Os delitos teriam acontecido em  2016, para bancar um almoço de fim de ano. Para  Zaque, a conta do banquete árabe (R$ 30 mil) fora paga por empresas em contrato com o governo.

Troca-troca

Nesta legislatura, 11 dos 24 deputados estaduais mudaram de partido. O número representa 45,8%, mostrando que quase metade dos parlamentares participou do troca-troca partidário desde 1º de fevereiro de 2015. Levantamento considera somente os que estão no exercício do mandato.

Infraestrutura tem novo secretário

A partir dessa semana, a Secretaria de Infraestrutura de Tangará da Serra terá um novo secretário. Romer Japonês que foi vereador de 2012 a 2016, sendo presidente da Câmara em 2015 e atualmente é Assessor de Gabinete do prefeito Fábio Junqueira. Romer assume temporariamente pelo prazo de 15 dias em função das férias do secretário Selton Vieira.

Notícias da editoria