BUSCA DE NOTÍCIAS:
  Tangará da Serra, 21 de julho de 2017.  
Tangará da Serra - MT


Em 22/10/2016
Luiz Simões Matias, aquele que fez de Tangará seu pedacinho de céu


Pelos idos de 1972 ele ouviu falar de Tangará da Serra, e resolve conhecer a terra afamada


Assim como em Memórias anteriores, o homenageado de hoje também veio para Tangará da Serra  por vislumbrar aqui uma oportunidade de crescimento e de mudança de vida que pudesse oferecer à seus familiares.
Nascido aos 19 dias de fevereiro de 1924,  em Bocaina-São Paulo, assim como alguns de nossos homenageados , cresceu em uma família bastante humilde, descendente de italianos e portugueses, com mais sete irmãos, sendo seis homens e uma irmã, que depois de um tempo ganharam mais duas irmãs após o segundo casamento do pai.
 Luiz Simões  Matias, desde muito cedo precisou trabalhar para ajudar em casa e foi assim que conheceu sua esposa Tecla Maria Francisca Bassan Matias, com quem teve os filhos José Pedro, Luiz Osfeldi, Edna, Ednéia e Helena Simões Matias Junqueira.
Para sustentar a família sempre trabalhou com a terra, onde cultivava o café. Pelos idos de 1972 ouviu falar de Tangará da Serra, e resolveu conhecer a terra afamada. “No ano de 72 um senhor de Rondonópolis falou daqui para alguém que conhecia meu pai. Daí vieram meu pai, minha mãe, meu irmão mais velho e o senhor que conhecia um amigo aqui. Vieram em um fusca, e de Cuiabá até aqui não tinha asfalto. O senhor que morava aqui já levou meu pai para ver umas terras e ele já gostou e comprou uma terra aqui. Retornaram para São Paulo e depois de algum tempo meu pai e meu irmão voltaram e compraram um terreno ali onde é a Sema hoje”, conta a filha Helena, lembrando que a família inteira somente mudou-se para Tangará no ano de 1974. “Na época  em que mudamos para cá em abril,  chovia muito. Levamos quatro dias para chegar aqui, e quando chegamos na serra [Tapirapuã] foi muito difícil, porque era muito estreita e tinha que vir buzinando para avisar que outro carro não descesse. Foi difícil, mas subimos. Quando chegamos em Progresso meu pai disse que era lá. Minha irmã pegou em minha mão e disse, não vou ficar aqui não. Vamos embora. Minha mãe piscou e disse que ele estava brincando, minha irmã estava muito chateada”, conta, sorrindo, ao se lembrar dos momentos passados.
Começaram então a abrir as terras para plantação, sendo que Seu Luiz ia a São Paulo para comprar as sementes que também repassava aos que aqui moravam.

O homem que acreditava e valorizava os sonhos

Foi um pioneiro desbravador que acreditou na cidade e como visionário sonhava que um dia Tangará se tornaria um grande polo regional. Exerceu a profissão de agricultor e pecuarista, onde tinha uma propriedade denominada Fazenda São Cristóvão, na Gleba Aurora.
Divulgava para outras pessoas que Tangará era local de povo hospitaleiro e de terras férteis.
Pessoa íntegra, confiava em Tangará da Serra, e depositou toda sua confiança no futuro dos filhos. Era muito religioso, participativo e sempre solidário com os que dele precisavam. Pacífico e assim educou os filhos sempre em harmonia.
Demasiadamente sábio, estava sempre atento às notícias, e por isso era um excelente conselheiro. Pai amoroso e  esposo amantíssimo, que dedicou seus anos de vida à família, onde sempre pregou a união.

A Homenagem

Luiz era vibrante com as conquistas de Tangará da Serra e aqui viveu sempre acreditando que era um pedacinho de céu na terra que escolheu para viver e criar seu filhos. Faleceu na cidade que amou no dia 25 de junho de 2002, já com 78 anos, com alguns problemas de saúde, deixando entre amigos e familiares uma imensa saudade.
Por ter confiado e enfrentado o desconhecido que ainda era o município, além de ter lutado incessantemente para seu crescimento, foi lembrado pelo Poder Público, que o homenageou dando a uma das creches do município de  Tangará seu nome, que ficará eternizado.
O Centro de Educação Infantil está localizado no Jardim Vale do Sol e deverá ser inaugurado até o final do ano, passando a atender no início de 2017 cerca de 300 crianças.

>> Rosi Oliveira - Especial DS




Compartilhe:


notícias da editoria
08/07/2017 - Pedro Ferreira de Lima, exemplo de caráter e firmeza
Pedro Ferreira de Lima
24/06/2017 - Dona geralda: entretantos, a esperança
Geralda Serafim
10/06/2017 - José Luiz de Souza, o servo vencedor de distâncias
José Luiz de Souza
03/06/2017 - Idalina Sueza Tayano, exemplo de vivacidade
Natural de São Paulo, Idalina Tayano mora em Tangará da Serra há 40 anos
12/05/2017 - Maria José de Matos: Uma portuguesa dura de coração mole
Maria Matos e seu filho João
29/04/2017 - Maria José Freire Duarte - Guerreira que adotou Tangará como mãe
Maria José e a filha Cristiane Freire Duarte
08/03/2017 - Francisco Bernardo do NascimentoCearence, lavrador e líder comunitário
Francisco Bernardo do Nascimento, conhecido como Franco, natural de Porteira, Ceará. Nasceu em 28 de novembro de 1943. É o segundo filho do casal Bernardo e Lourdes. Ajudou os pais a trabalhar para sustentar os dez irmãos e alguns primos que sempre vivera
04/03/2017 - Pedro Alberto Tayano, 20 anos vividos com muita intensidade
“Meu filho viveu tudo que tinha que viver, apesar do pouco tempo”, diz mãe saudosa
18/02/2017 - Dionísio Pantaleão Pacheco do êxodo à terra prometida
O casal trouxe cinco filhos e aqui tiveram mais seis filhos
04/02/2017 - Carlos Tayano, aquele que fez um sonho virar realidade
Carlos Tayano e Netos
 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
20/07/2017 - GERAL
Ministério Público moverá ação por câmeras de segurança em Tangará

20/07/2017 - GERAL
Carreta do Câncer atende selecionados hoje

20/07/2017 - GERAL
ANP faz prospecção sísmica na região

20/07/2017 - GERAL
Juiz dá prazo para partes atenderem exigência

20/07/2017 - GERAL
Abertura de Ação Civil aguarda trâmites finais

20/07/2017 - SAÚDE
Município assina Ordem de Serviço para construção de sede da Unitan

20/07/2017 - ESPORTES
Juiz relata ira de presidente do Luverdense: “maior vergonha do futebol”

20/07/2017 - ESPORTES
Copa Distribuidora Queiroz abre com média de 5 gols por partida

20/07/2017 - ESPORTES
ACT e Esportes realizarão GP Tangará de Ciclismo

20/07/2017 - POLÍCIA
Idoso de 67 anos é encontrado morto em Tangará da Serra

20/07/2017 - POLÍCIA
PF faz ação contra tráfico interestadual

20/07/2017 - POLÍCIA
Irmão e amigo tentam matar homem com facada e tijolada

20/07/2017 - POLÍCIA
MP pede prisão de tenente acusada de torturar aluno durante treinamento

20/07/2017 - SAÚDE
Estado deve cerca de R$ 1,5 milhão para Saúde de Tangará

20/07/2017 - GERAL
Municípios realizaram protesto contra corte de repasse a hospital

19/07/2017 - GERAL
Manutenção de câmeras custa R$ 40 mil, segundo secretário do GGI

Jornal Diário da Serra - Todos os direitos reservados - O primeiro jornal on-line do estado de Mato Grosso