BUSCA DE NOTÍCIAS:
  Tangará da Serra, 19 de janeiro de 2018.  
Tangará da Serra - MT


Em 08/11/2017
Servidores rejeitam proposta do Executivo e decidem manter greve


O impasse continua, tendo como ponto nevrálgico, a insistência do Executivo em retirar direitos adquiridos há anos pelos servidores


A greve dos Servidores Públicos de Tangará da Serra teve na noite de ontem, mais um capítulo. Nem mesmo a chuva torrencial que se abateu sobre a cidade foi capaz de desmotivar os servidores de participarem da Assembleia Extraordinária de Urgência, convocada para deliberar sobre o movimento grevista.
A reunião foi convocada visando repassar aos servidores os desfechos e propostas que ocorreram entre  os líderes da greve e o Executivo Municipal, mas apesar de avanços, os servidores optaram por permanecer em greve, não aceitando portanto, que o Executivo retire alguns direitos já adquiridos pelos trabalhadores. O que resultou após longa conversa, na manutenção da paralisação que completou uma semana na última segunda-feira.
Em número bastante expressivo, com a participação inclusive, de pessoas que nunca participaram de nenhuma das reuniões anteriores, os servidores foram quase que unânimes na manutenção do movimento, que a partir de agora, conta com um novo comando de greve, já definido durante a assembleia.
Entre os avanços das negociações, o prefeito, Fábio Martins Junqueira aceitou mexer apenas em dois dos pontos elencados para mudanças. Um deles, seria de dar aos servidores um abono de R$ 400 a ser pago no mês de dezembro pelos meses das negociações sobre a Reposição Geral anual (RGA). O outro seria o cálculo da insalubridade, que passaria a ser realizado então, sobre o valor do salário base e não mais nivelado por um salário específico. No mais, todos os outros pontos seguiriam iguais. Durante a assembleia, os servidores deixaram bastante claro que abrir mão dos direitos é um ponto fora de cogitação.
O impasse continua, tendo como ponto nevrálgico, a insistência do Executivo em retirar direitos adquiridos há anos pelos servidores, como por exemplo, a hora extra que hoje é paga 100%  e passaria para 50% em sábados, domingos e feriados.
Para o presidente do Sserp, Eduardo Pereira, a maioria escolheu e o movimento segue em frente. “ Para deixar bem claro, os servidores públicos de Tangará estão em greve e hoje foi convocada uma assembleia de urgência para colocar em deliberação uma proposta que o prefeito enviou para uma comissão formada com o sindicato. E hoje isso aconteceu aqui. A gente trouxe para os servidores, colocamos em votação mas os servidores não aceitaram a proposta do prefeito. Vamos continuar tentando manter o diálogo com o prefeito em busca da solução”, assegurou Eduardo.


>> Rosi Oliveira - Redação DS




Compartilhe:


notícias da editoria
09/01/2018 - Menos de 10% dos eleitores de Tangará fizeram cadastro biométrico
A coleta de dados biométricos em Tangará iniciou em 2016
04/01/2018 - Rogério Silva defende atenção às oportunidades
Vereador destaca boas possibilidades para demandas
02/01/2017 - Executivo anuncia novo Secretário de Assistência Social
Rodrigo Costa assume a função de forma interina em substituição à Aguinaldo Garrido
29/12/2017 - Parlamentar confirma empenho de verba para iluminação de avenidas
Rogério Silva e Ministro Elder Barbalho, da Integração Nacional: Confirmação de empenho de R$ 3 milhões
27/12/2017 - Parlamentar trabalhou na obtenção de recursos para região de Tangará
Rogério Silva assumiu em julho a vaga do deputado Valtenir
22/12/2017 - Mais dois prefeitos de MT receberam ameaça de morte, diz AMM
Prefeito de Colniza, Esvandir Mendes (PSB), foi executado semana passada
22/12/2017 - Com projetos polêmicos, Câmara realiza 20ª Sessão Extraordinária
Um dos projetos buscava regulamentar o pagamento de 13º salário e terço de férias para prefeito, vice e vereadores
21/12/2017 - Justiça suspende decreto que alterava lei do 13º salário dos servidores
Decreto foi promovido pelo Executivo Municipal
21/12/2017 - Receita de Mato Grosso em 2018 será de R$ 20,3 bilhões
ALMT encerra 2017 com Lei Orçamentária aprovada para ano seguinte
20/12/2017 - Justiça suspende efeitos de decreto do prefeito que alterava lei do 13º salário dos servidores

 
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
19/01/2018 - GERAL
Ata de usucapião é entregue à comunidade rural

19/01/2018 - GERAL
Valor da taxa de lixo é o dobro do cobrado pelo consumo de água

19/01/2018 - EDUCAÇAO
Tangaraense orienta como estudar na Europa

19/01/2018 - EDUCAÇAO
Processo Seletivo do IFMT acontece domingo

19/01/2018 - ESPORTES
Final da Copa Saturnino Acontece na noite desta sexta, 19, na Chácara

18/01/1996 - POLÍCIA
Força Tática divulga balanço de produtividade em 2017

18/01/2018 - POLÍCIA
Homens entram pelo telhado e furtam capela em Diamantino

18/01/2017 - EDUCAÇAO
Concurso Público do Secitec destina 16 vagas para Tangará

18/01/2018 - EDUCAÇAO
Orçada em R$ 3.499.411,43, obra começará em 15 dias

18/01/2018 - GERAL
MP requer melhorias no transporte coletivo de Tangará

18/01/2018 - POLÍCIA
PJC busca testemunha para elucidar morte de travesti

18/01/2018 - GERAL
Advogado consegue anular matrícula de imóvel em ação bilionária

17/01/2018 - ESPORTES
Aos 56 anos, morre Cerezo, pioneiro do esporte tangaraense

17/01/2018 - POLÍCIA
Menor desacata guarnição durante abordagem

17/01/2018 - GERAL
Acits inicia sorteio da campanha de Natal

17/01/2018 - EDUCAÇAO
Seduc assina ordem de serviço para a construção de escola no Tarumã

Jornal Diário da Serra - Todos os direitos reservados - O primeiro jornal on-line do estado de Mato Grosso